QUESTÕES

34
Execução de Obras e Técnicas Construtivas > Segurança do Trabalho
  • Banca: CEBRASPE
  • Órgão: TCE–PR
  • Cargo: Analista de Controle Externo Arquitetura
  • Ano: 2016
  • Nº: 62

Determinada construtora, com trinta empregados contratados pelo regime celetista, foi indicada pela administração pública para efetuar a obra de ampliação de uma escola. Durante a execução dos serviços, o fiscal do trabalho realizou uma visita ao canteiro de obras, para averiguar a regularidade da documentação e as condições de segurança e saúde dos empregados da construtora. Na visita, o fiscal verificou que

I havia ruído e poeira no local, decorrentes do lixamento do piso de taco de madeira de uma das salas de aula;
II a construtora não tinha elaborado o Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA);
III mulheres jovens realizavam o transporte manual de cargas;
IV a construtora não havia confeccionado o Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho (PCMAT) na indústria da construção;
V não havia ambulatório nas áreas de vivência do canteiro de obras para atendimento dos trabalhadores.

Considerando essa situação hipotética, assinale a opção correta.

A - O ambulatório não é obrigatório na referida obra.
B - Devido à quantidade de trabalhadores, não é necessária a elaboração do PCMAT.
C - O ruído e a poeira resultantes do lixamento do piso são considerados riscos físicos.
D - A elaboração do PPRA não é obrigatória para esse tipo de obra.
E - Sendo as trabalhadoras mulheres jovens, não há restrição, em comparação aos homens, do peso máximo das cargas transportadas.

  • Banca: FCC
  • Órgão: TRT-3
  • Cargo: Analista Judiciário Arquitetura
  • Ano: 2015
  • Nº: 41

Segundo a Norma Regulamentadora NR18, uma das normas de segurança do trabalho aplicadas à construção civil, em um canteiro de obras a serra circular deve

 

(A) estar livre de coletores de serragem ou de coifa que impeça livre propagação de resíduos.
(B) ser dotada de material plástico, sem irregularidades, apenas com dimensionamento suficiente para a execução das tarefas.
(C) ter a carcaça do motor não aterrada eletricamente.
(D) ter o disco sempre afiado e sem travamento.
(E) ser dotada de mesa estável, construída em madeira resistente e de primeira qualidade.
 

  • Banca: FCC
  • Órgão: ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DE MATO GROSSO DO SUL
  • Cargo: Arquiteto
  • Ano: 2016
  • Nº: 52

A respeito do Equipamento de Proteção Individual − EPI, conforme disposto na NR 6, é de responsabilidade do

(A) trabalhador comunicar ao empregador qualquer alteração que torne o equipamento impróprio para uso.
(B) trabalhador a higienização e manutenção periódica do equipamento.
(C) empregador a correta guarda e conservação do equipamento.
(D) trabalhador a substituição imediata do equipamento, se danificado ou extraviado.
(E) empregador cumprir as determinações do trabalhador sobre o uso adequado do equipamento.
 

  • Banca: FCC
  • Órgão: TRT-11
  • Cargo: Analista Judiciário Arquitetura
  • Ano: 2016
  • Nº: 38

Em uma obra, nas atividades de montagem e desmontagem de andaimes, os trabalhadores devem obrigatoriamente

(A) portar crachá de identificação e qualificação, do qual conste a data de seu último exame médico ocupacional e treinamento.
(B) utilizar cinto de segurança do tipo em lona para ferramentas.
(C) utilizar ferramentas identificadas para o caso de queda acidental.
(D) portar capacete identificado com seu tipo sanguíneo.
(E) utilizar cinto de segurança do tipo retrátil e com triplo talabarte.